Florença

Aviso inicial: O intuito dessas páginas não é colocar o roteiro que eu fiz nessas cidades. É responder a pergunta que sempre me fazem: “Se você fosse me dizer o que eu não poderia deixar de fazer no lugar “x”, o que diria?”. Resolvi então listar tudo que considero imperdível nas cidades que visitei, para te ajudar a desfrutar da melhor experiência possível. Caso esteja procurando por roteiros, aprenda como achá-los através das dicas que coloquei aqui.

florença

  • Visitar a Duomo e subir a torre Campanile de Giott: De todas as igrejas que vi durante minha estadia na Europa, arrisco dizer que a Duomo de Florença é forte concorrente a uma das mais bonitas, pelo menos no que diz respeito à parte exterior, já que o interior não impressiona tanto. A torre Campanile de Giott é a torre do sino da basílica que fica logo ao lado. Para subir nela é preciso disposição, pois você precisa encarar mais de 400 degraus, porém a vista panorâmica da cidade que se tem lá de cima faz valer cada esforço.

florença2

  • Passear pelo centro histórico: Depois de visitar a Duomo é uma ótima ideia se perder pelas ruelas da cidade. As construções antigas parecem te levar de volta para a Idade Média. Se quiser um destino mais certeiro, você pode ir andando de lá até a Piazza della Signoria, onde fica o Palácio Vecchio (um dos símbolos de Florença) e uma réplica da estátua de David, de Michelangelo.

florença3

  • Passear nas margens do Rio Arno e atravessar a Ponte Vecchio: A Ponte Vecchio é a única ponte que resta da era medieval na Europa. Reza a lenda que na Segunda Guerra os alemães a acharam tão bonita que não tiveram coragem de destruí-la. É uma região muito agradável de se passear, tanto de dia quanto de noite, quando as luzes ficam refletidas nas águas do rio.

florença4

  • Visitar as famosas obras do Renascimento: Florença é conhecida como o berço do Renascimento, e por esse motivo que estão lá o quadro Nascimento de Vênus, de Sandro Botticelli e a estátua de David, de Michelangelo. O primeiro fica na Galeria Uffizi e o segundo na Galeria Accademy. Para evitar fila nos dois, você pode comprar seu ingresso antecipadamente nesse site aqui. Porém para quem não é tão fã de arte indico ir apenas no último, já que a obra impressiona até quem não tem tanto apreço pelo assunto, tamanha sua perfeição.

florença5

  • Ver o por do sol da Piazzale Michelangelo: Vá até o outro lado da Ponte Vecchio e suba até a Piazzale Michelangelo para ter uma vista incrível da cidade. Quando estive lá o tempo infelizmente estava ruim, mas dizem que o por do sol visto lá de cima é bem bonito, então lembre de ir em um horário estratégico.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s