Viena

Aviso inicial: O intuito dessas páginas não é colocar o roteiro que eu fiz nessas cidades. É responder a pergunta que sempre me fazem: “Se você fosse me dizer o que eu não poderia deixar de fazer no lugar “x”, o que diria?”. Resolvi então listar tudo que considero imperdível nas cidades que visitei, para te ajudar a desfrutar da melhor experiência possível. Caso esteja procurando por roteiros, aprenda como achá-los através das dicas que coloquei aqui.

viena1

  • Ver “O Beijo” de Klint, no Palácio Belvedere: O lugar além de Palácio também é um museu. Apesar de você encontrar lá inúmeras obras de artistas famosos, a que mais chama a atenção é essa. Na mesma sala, você também pode conferir alguns outros quadros de Gustav Klint, que ao vivo, como se tratam de colagens com papéis dourados, ficam ainda mais bonitos.

viena2

  • Palácio de Shönbrunm: Confesso que os jardim do palácio me encantaram mais do que o prédio em si. Vale a pena perder um tempo caminhando por ele. Tanto na frente, como na parte de trás, onde dei a sorte de encontrar alguns esquilos passeando livremente.

viena3

  • Ver a estátua de Johann Strauss no Stadtpark: Apesar do parque não ter nada de muito diferente, a não ser uma grande área verde, lá dentro você encontra uma bonita estátua dourada de Strauss.

viena4

  • Passear pelo centro, da rua Graben até a Stephansdom, Catedral de São Estevão: A Graben é uma famosa rua turística apenas para pedestres, com várias lojas em seu entorno. Bem perto dela você encontra a Catedral, com seu telhado de pastilhas coloridas.

viena5

  • Comer a Torta Sacher, no Hotel Sacher: A torta feita com pão de ló, chocolate e recheio de damasco já foi considerada o melhor bolo de chocolate do mundo. A vendida no hotel é a original, que tem sua receita patenteada e guardada a sete chaves. Por ser um pouco seca e amarga, não é todo mundo que gosta, mas vale experimentar.

Você pode querer também conferir uma ópera na famosa Vienna State Opera. Eu por não curtir o estilo, preferi não investir no passeio. Se for o seu caso, só preste atenção que os ingressos mais baratos costumam ser em lugares onde você assiste o espetáculo em pé. Outro local turístico, mas que também não fui é o Parque Prater, com a roda-gigante mais antiga do mundo. E uma comida típica que não cheguei a experimentar é o Apfelstrudel.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s